quarta-feira, 11 de julho de 2012

POLÍCIA CIVIL PRENDE BORRACHEIRO ACUSADO DE ESTUPRAR AS PRÓPRIAS FILHAS EM ASSU


Gerôncio José de Souza, borracheiro acusado

Policiais civis da delegacia de Assu que tem  a frente o Dr. Emerson Valente conseguiu elucidar um crime de estupro de vulnerável cometido pelo borracheiro Gerôncio José de Souza, residente na rua Antônio Cosme Junior, bairro  Vertentes, o mesmo confessou este ato criminoso cometido contra suas próprias filhas, inclusive uma estaria grávida.
Segundo o próprio borracheiro o mesmo no ato criminoso e segundo ele estava possuído por um mal, falou que levava as filhas para a estrada carroçável do Porto Piató e lá mantinha relação sexual com as filhas, dizendo depois que estava testando se a mesma era  virgem, Gerôncio falou ainda que tudo começou quando a filha que hoje tem 18 anos tinha apenas 9 anos de idade.
Com o acusado também foi encontrado duas espingarda bate-bucha e um revolver calibre 32, o mesmo ficará  preso a disposição da justiça, onde responderá pelo crime de estupro de vulnerável podendo pegar até 16 anos de prisão.

fonte: focoelho.com

2 comentários:

  1. eu sei que ninguem resolve nada com violencia, mas ai se eu pudesse mandar estrangular este Enviado do Capeta. Meu Deus um homem desse não merece estar vivo não como pode uma coisa dessas, gente 16 anos de prisão pra um monstro desse é muito pouco, parece que ninguem pensa no sofrimento dessas meninas, o que não passa na cabeça de uma criança que podendo ver seu pai como um defençor ver ele como um tarado compusivo... tô horrorizada

    ResponderExcluir
  2. como um pai pode fazer algo assim com suas filhas!
    não posso acreditar que esse borracheiro fez algo assim com elas!
    agora está preso e tomara não salga nunca.

    ResponderExcluir