domingo, 8 de julho de 2012

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE PERNAMBUCO ENLUTADA COM PERDA DE OFICIAIS VITIMADOS POR ACIDENTE

A Polícia Militar do Estado de Pernambunco encontra-se enlutada pelo trágico acidente automobilístico que provocou a morte do comandante e do oficial de Planejamento Operacional (P/3) do 10º Batalhão, Tenente-coronel Cláudio José Galdino da Silva e Major Felipe Apurangy de Araújo, quando se dirigiam para assistirem a passagem da última sexta (06) na avenida Abdias de Carvalho, em Recife, deixando, ainda, o motorista da viatura ferido e socorrido para o Hospital da Restauração, na avenida Agamenon Magalhães. Por determinação do Comando Geral, o Centro de Assistência Social e o Centro Médico Hospitalar da PM prestam apoio aos familiares das vítimas.

 Há 29 anos na PM e dois meses a frente do comando do 10º Batalhão, sediado em Palmares, Mata Sul do Estado, o TC Cláudio, 50 anos, sempre se destacou pelo profissionalismo, serenidade e equilíbrio nas ações de comando e no combate a criminalidade nas regiões onde atuava. O corpo do TC Cláudio foi sepultado no mesmo dia, , no Cemitério de Santo Amaro, em Recife. 

Já o Maj Apurangy, 43 anos, tinha 24 anos de serviço na PM e chegou recentemente no 10º Batalhão, destacando-se pela cordialidade com que tratava seus colegas de trabalho e pela dedicação ao serviço policial militar na defesa do cidadão pernambucano. O sepultamento do Maj Apurangy foi realizado ontem (07), às 12h, no Cemitério Parque das Flores, localizado na avenida Liberdade, Tejipió.
 
Com informações correspondente pernambucano Marcos Araujo

Um comentário:

  1. É pena. Fim tão trágico... Mas com certeza, os dois ótimos oficiais, foram transferidos para a polícia dos céus, já que os bons homens, recebem o galardão das mãos do Senhor dos Exércitos(Deus)... Meus pêsames aos familiares dos dois oficiais falecidos e melhoras para o policial motorista, o qual ficou machucado... Jesus Cristo é o Senhor...

    ResponderExcluir