terça-feira, 9 de outubro de 2012

Subtenente tenta matar coronel da Polícia Militar com tiro no abdômen


Coronel Alves foi baleado, na noite desta segunda-feira, mas passa bem.

Fonte: Portal B.O
Coronel Alves, comandante do CPM.

Um subtenente da Polícia Militar atentou contra a vida do comandante do Policiamento Metropolitano, coronel Wellington Alves, na noite desta segunda-feira (8). A informação foi confirmada pelo comandante geral da PM, coronel Araújo Silva. Ele afirmou que o policial, identificado pelo nome de Alexandre, sofre de problemas mentais e, inclusive, já tentou matar a própria mãe.
O coronel Wellington Alves estava em casa, em um condomínio na avenida Abel Cabral, quando foi procurado pelo subtenente, que é lotado no 3º Batalhão. Após chamar pelo comandante do CPM, o policial Alexandre acabou atirando com uma pistola. O tiro atingiu o abdômen do coronel.
De acordo com o coronel Araújo, o oficial foi socorrido imediatamente e não corre risco de morte. Já o subtenente autor do atentado foi detido e levado ao Quartel do Comando Geral. Apesar disso, ele deverá passar por exames clínicos e, talvez, ser internado. Há dois anos e meio, o policial havia tentado matar a própria mãe, no bairro de Candelária.
O subtenente, de acordo com a polícia, sofre com alucinações e, com isso, perde o controle. Na casa dele, os policiais encontraram duas pistolas e uma espingardada calibre 12.

Nenhum comentário:

Postar um comentário