terça-feira, 6 de agosto de 2013

VITÓRIA!!! OPERAÇÃO MALL: ABSOLVIDOS OS PMs DO 10º BPM DE ASSU


A foto mostra o 10º BPM de Assu

Na foto um dos importantes advogados responsável na absolvição dos PMs

Na manhã dessa terça feira (06.08.2013) foi realizado na Auditoria Militar a audiência e julgamento dos policiais militares do 10º Batalhão da Polícia Militar denunciados pelo Ministério Público Estadual pela suposta participação nos fatos apurados na denominada “Operação Batalhão Mall” deflagrada na cidade de Assú.
Os policiais militares associados da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do RN – ACSPMRN teve à disposição de sua defesa os trabalhos do experiente advogado doutor Paulo César Ferreira da Costa, que ocupa a presidência da Comissão de Advogados Criminalistas da OAB/RN que recentemente se especializou em Direito Militar.
A denúncia ofertada no processo imputa aos acusados, dentre outras acusações, que supostamente os mesmos receberiam favorecimento financeiro de empresários da cidade de Assú para privilegiarem os estabelecimentos comerciais pertencentes a esses “doadores”.
Ocorre que, embora a denúncia narre os fatos, não existe nos autos qualquer prova que venha a comprovar a conduta imputada aos policiais militares defendidos pelo setor jurídico da ACSPMRN, e dessa forma, a negativa de autoria foi a tese defendida pelo doutor Paulo César Ferreira da Costa, que confiante na absolvição dos acusados mas uma vez foi um sucesso durante sua carreira.
  Ressalte-se que, aliado a falta de provas robustas, temos o fato de que caso os fatos denunciados (doações de comerciantes ao policiamento) viessem a existir, seriam fruto da total falta de estrutura que assola as unidade da Polícia Militar no interior do Estado, onde falta itens como alimentação para os policiais, combustíveis e manutenção para as viaturas, material de expediente e higiene, alojamento para os policiais militares, dentre outras carências que vive o nosso RN tanto na segurança como na área da saúde..
Por fim, parabenizamos a certeza da inocência dos policiais militares supostamente envolvidos no referido processo, e no trabalho do doutor Paulo César Ferreira da Costa e no Poder Judiciário para a concretização da absolvição dos acusados.
Parabéns a todos os policiais que foram acusados injustamente em um suposto esquema, como também todos os advogados que defenderam os PMs.

fonte: focoelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário