terça-feira, 23 de agosto de 2016

Monstruosidade: Bebê é encontrado aos pedaços dentro de panela de pressão.




O Bebê Natan Vitor Cerqueira, de pouco mais de dois anos de idade, foi dado como desaparecido no último sábado, dia 20 de agosto. A mãe dele, Renata Cerqueira, de 20 anos, contou à polícia que a criança estava na sala de casa, dormindo em um carrinho, quando teria sido levada supostamente por uma mulher.
O sumiço foi constatado, segundo as primeiras investigações, pela avó do bebê, que teria chegado em casa e perguntado para a mãe sobre o paradeiro de Nastan, já que o carrinho estava vazio. No fim da tarde desta segunda-feira, dia 22, o caso chocou ainda mais a região, pois o corpo de uma criança foi encontrado dentro de uma panela de pressão na casa de Renata, cortado aos pedaços.
A descoberta aconteceu após a patroa de Renata, que trabalhava como babá, ter ido à casa da funcionária, que estava com a porta da frente aberta. A mãe estaria numa praça do bairro Baianão, próximo ao local do suposto sumiço, onde participaria de uma manifestação e assim que a mulher teve acesso ao interior do imóvel, foi surpreendida pelo mau cheiro. Numa panela de pressão que estava na cozinha da casa foi localizado o corpo de um bebê.
Como de praxe o Departamento de Polícia Técnica de Porto Seguro (DPT), informou que ainda não é possível precisar se o corpo encontrado é mesmo do menino Natan e será necessária a realização de exames de DNA.
No momento do sumiço, segundo a polícia, não havia ninguém na casa a não ser a mãe, que passa a ser suspeita. Agentes da Polícia Civil realizam diligências em Porto Seguro. O caso está sendo investigado pelo delegado Delmar Bittencourt. (Por Ronildo Brito)

Teixeira News

Nenhum comentário:

Postar um comentário